Total de visualizações de página

Pesquisar este Blog

Translate

segunda-feira, 22 de outubro de 2018

Resource Description Framework (RDF)


Resource Description Framework (RDF) foi desenvolvido sob a orientação do World Wide Web Consortium (W3C) com Xtensible Markup Language (XML) e Uniform Resource Identifier (URI), servindo como seus padrões de distribuição.   

Resource Description Framework (RDF) é a estrutura de especificação padrão utilizada para codificar metadados e outras informações estruturadas na Web Semântica. O RDF define que as informações devem ser descritivas e formatados dentro do site. Ele fornece interoperabilidade entre aplicativos que trocam informações compreensíveis pela máquina na Web. O modelo RDF usa um formato subject-predicate-object, que é uma maneira padronizada de descrever algo.  

O RDF apresenta pequenos pedaços de informação de uma forma que infere significado. Isso pode incluir regras sobre como os dados devem ser interpretados para que o valor informativo geral seja muito maior porque o contexto ou a intenção podem ser inferidos, e foi projetado para permitir que os desenvolvedores construam mecanismos de pesquisa; é usado principalmente para fornecer informações ou metadados para dados disponíveis na Internet; e permitam que os usuários da Internet compartilhem as informações do site mais prontamente. 


O RDF baseia-se no XML como uma sintaxe de intercâmbio, criando um sistema de afinidade para a troca de informações na Web, fornecendo metodologia para especificar, estruturar e transferir metadados, utilizando a sintaxe XML básica para aplicativos de software, para trocar ou usar essas informações; URI/URL fornece a localização desses dados.
O padrão RDF ajuda a garantir que cada descrição contenha o assunto, o predicado e o objeto necessários para descrever o conteúdo da página. Embora os humanos não exijam que as descrições sejam formatadas de maneira tão específica (na verdade, achávamos que seria um tanto monótono), os computadores se beneficiam da formatação padrão. 

Normalmente, o RDF fornece informações básicas e atributos sobre um objeto baseado na Internet, como o nome do autor, palavras-chave da página da Web, dados de criação e edição de objetos.  O RDF é usado para ler as informações detalhadas do sitemap, ler as datas de quando as atualizações foram feitas, ler as palavras-chave que os mecanismos de pesquisa procuram, ler os direitos de propriedade intelectual da página da Web. O RDF é usado também em feeds RSS que contêm descrições curtas de páginas da Web, para facilitar os sistemas de computadores poder classificar e indexar os feeds RSS com base nas descrições do RDF. O resultado final é um resultado mais preciso quando as pessoas pesquisam artigos usando palavras-chave;   

O esquema RDF é uma extensão semântica da estrutura de um sistema de banco de dados, descrita em uma linguagem formal suportada pelo sistema de gerenciamento de banco de dados (DBMS). Em um banco de dados relacional, o esquema define as tabelas, os campos em cada tabela e os relacionamentos entre campos e tabelas. Os esquemas são geralmente armazenados em um dicionário de dados. Embora um esquema seja definido na linguagem de banco de dados de texto, o termo geralmente é usado para se referir a uma representação gráfica da estrutura do banco de dados.

A linguagem de esquema RDF é usada para declarar classes e tipos básicos ao descrever os termos que são usados para determinar características de outros recursos, como os domínios e intervalos de propriedades.


As bases de dados RDF funcionam no conceito de formulação de afirmações relativas a recursos, especialmente web, recursos como expressões sujeito-objeto-predicado. Essas expressões são chamadas de Triple na nomenclatura RDF. O assunto significa o recurso e o predicado significa traços do recurso e define uma relação entre o objeto e o assunto.

Os bancos de dados RDF são uma solução NoSQL baseada em um modelo de dados simples e uniforme. O NoSQL é um modelo de banco de dados vagamente definido que é não-relacional, de código aberto e escalonável horizontalmente. Os bancos de dados RDF fornecem várias vantagens que consistem em portabilidade de dados, sendo à prova do futuro e não exigindo bloqueio de produto.

Tradução inglês-português
Fonte: Resource Description Framework (RDF) https://www.w3.org/RDF/
Fonte:  RDF Current STATUS  https://www.w3.org/standards/techs/rdf#w3c_all

-------------------------


Linguagem de Definição de Dados (DDL), é uma linguagem de computador usada para definir estruturas de dados. Em sistemas de gerenciamento de banco de dados (DBMS), ele é usado para especificar um esquema de banco de dados como um conjunto de definições (expressas em DDL). No SQL, a Linguagem de Definição de Dados (DDL) permite criar, alterar e destruir objetos de banco de dados.

------------------